Participação da gestão de risco assistencial no monitoramento dos profissionais de saúde durante a pandemia de COVID-19:

relato de experiência

Autores

Palavras-chave:

COVID-19, Gestão de Riscos, Estratégias, Gestão em Saúde, Serviços de Atendimento

Resumo

Objetivo: Relatar a experiência de profissionais da Gestão de Risco Assistencial inseridas no Grupo de Trabalho de Monitoramento para qualificação dos processos de trabalho relacionados ao acompanhamento de profissionais afastados por suspeita ou diagnóstico de COVID-19 em instituição pública de saúde do sul do país, referência em atendimentos na pandemia. Método: Trata-se de um estudo descritivo do tipo relato de experiência. Resultados: O Grupo de Trabalho de Monitoramento foi uma estratégia de enfrentamento idealizada com o intuito de aproximar a instituição dos profissionais durante a pandemia, proporcionando uma escuta humanizada, um acompanhamento adequado e orientações pertinentes para o período de afastamento do profissional. A Gestão de Risco Assistencial contribuiu para a qualificação e reorganização dos processos de trabalho e desenvolvimento de indicadores que foram essenciais para a dinâmica de acompanhamento dos profissionais de saúde durante a pandemia. Conclusão: Evidencia-se que a Gestão de Risco Assistencial auxiliou estrategicamente a alta gestão da instituição com o desenvolvimento de indicadores que contribuíram para as tomadas de decisão em gabinete de crise, retratando o cenário real vivenciado. Além disso, proporcionou a qualificação da assistência prestada aos profissionais de saúde da instituição, com atendimentos personalizados e periódicos durante o período de afastamento até o reingresso às atividades laborais.

Biografia do Autor

Victoria Tiyoko Moraes Sakamoto, Grupo Hospitalar Conceição (GHC)

Mestre em Enfermagem pela Universidade Federal de Ciências da Saúde Porto Alegre. Enfermeira da Gestão de Risco Assistencial do Hospital Criança Conceição.

Stephanie Greiner, Grupo Hospitalar Conceição (GHC)

Farmacêutica pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul , atuante na Gestão de Risco Assistencial do Hospital Criança Conceição.

Laura Cristina dos Santos, Grupo Hospitalar Conceição (GHC)

Enfermeira pela Universidade Luterana do Brasil, atuante na Gestão de Risco Assistencial do Hospital Nossa Senhora da Conceição.

Fernanda de Avila Carvalho Neves, Grupo Hospitalar Conceição (GHC)

Acadêmica de Enfermagem da FACTUM. Estagiária da Gestão de Risco Assistencial do Hospital Criança Conceição.

Referências

BRASIL. RESOLUÇÃO No 510, DE 07 DE ABRIL DE 2016, 2016. Disponível em: http://conselho.saude.gov.br/resolucoes/2016/Reso510.pdf. Acesso em: 21 set. 2021.

BUSELLI, R. et al. Professional Quality of Life and Mental Health Outcomes among Health Care Workers Exposed to Sars-Cov-2 (Covid-19). International Journal of Environmental Research and Public Health, v. 17, n. 17, p. 6180, 26 ago. 2020.

CYR, S. et al. Factors Associated With Burnout, Post-traumatic Stress and Anxio-Depressive Symptoms in Healthcare Workers 3 Months Into the COVID-19 Pandemic: An Observational Study. Frontiers in Psychiatry, v. 12, p. 668278, 8 jul. 2021.

DAUMAS, R. P. et al. O papel da atenção primária na rede de atenção à saúde no Brasil: limites e possibilidades no enfrentamento da COVID-19. Cadernos de Saúde Pública, v. 36, n. 6, p. e00104120, 2020.

EBSERH. Cuidados com a Saúde Mental de Sua Equipe Durante o Enfrentamento do COVID-19 EBSERH, 2020. Disponível em: https://www.gov.br/ebserh/pt-br/hospitais-universitarios/regiao-sudeste/hu-ufjf/saude/covid-19/CuidadoscomasadementaldesuaequipeduranteoenfrentamentodaCOVID19.pdf. Acesso em: 11 ago. 2021.

LAI, J. et al. Factors Associated With Mental Health Outcomes Among Health Care Workers Exposed to Coronavirus Disease 2019. JAMA Network Open, v. 3, n. 3, p. e203976, 23 mar. 2020.

OPAS. Folha Informativa COVID-19 do Escritório da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) e da OMS no Brasil. 2020.

RAJKUMAR, R. P. COVID-19 and mental health: A review of the existing literature. Asian Journal of Psychiatry, v. 52, p. 102066, ago. 2020.

SHANAFELT, T.; RIPP, J.; TROCKEL, M. Understanding and Addressing Sources of Anxiety Among Health Care Professionals During the COVID-19 Pandemic. JAMA, v. 323, n. 21, p. 2133, 2 jun. 2020.

SRIVATSA, S.; STEWART, K. A. How Should Clinicians Integrate Mental Health Into Epidemic Responses? AMA Journal of Ethics, v. 22, n. 1, p. E10-15, 1 jan. 2020.

TEIXEIRA, C. F. DE S. et al. A saúde dos profissionais de saúde no enfrentamento da pandemia de Covid-19. Ciência & Saúde Coletiva, v. 25, n. 9, p. 3465–3474, set. 2020.

Publicado

2021-11-22

Como Citar

MORAES SAKAMOTO, V. T.; GREINER, S.; DOS SANTOS, L. C.; DE AVILA CARVALHO NEVES, F. Participação da gestão de risco assistencial no monitoramento dos profissionais de saúde durante a pandemia de COVID-19:: relato de experiência. Cadernos de Ensino e Pesquisa em Saúde, v. 1, n. 01, p. 160-173, 22 nov. 2021.

Edição

Seção

Diálogo com a Sociedade